quarta-feira, 14 de junho de 2017

Oficina Festa Junina como Patrimônio Cultural


         Na manhã do dia 10 de junho, o Projeto MULTICULTURARTE realizou mais uma oficina de educação patrimonial. Desta vez, 18 crianças, entre 7 e 10 anos, participaram da formação sobre as festas juninas, reconhecendo-as como patrimônio cultural. A oficina aconteceu no CRAS II - Maria Novais Miranda, no bairro Sol Nascente, na cidade de Porteiras.
     Naquela ocasião, as crianças discutiram sobre as tradições juninas no Nordeste e em Porteiras. Discutiram também sobre as relações entre a memória, o sentimento de pertencimento e os bens culturais. Para finalizar, confeccionaram bandeirinhas para os festejos de São João e ganharam brindes.
     
       
      














































domingo, 28 de maio de 2017

Professora conclui pesquisa sobre a Casa da Memória

        

       A professora Dárlin Custódio Bezerra concluiu a pesquisa histórica intitulada: "Casa da Memória de Porteiras-CE: Memória e Identidade nas Narrativas do REMOP (2004-2016)". Formada em História pela URCA, Dárlin Bezerra analisou a trajetória e as memórias dos membros do Grupo REMOP, dando ênfase à relação entre museu, comunidade e cidadania.  No seu trabalho, ela diz:  
         "As práticas educativas foram e continuam sendo tão fundamentais quanto a própria existência física da Casa da Memória de Porteiras. Fazendo o papel de verdadeiros “guardiões da memória”, produtores da história e defensores da cidadania cultural da sua comunidade, os jovens do REMOP continuam promovendo ações a fim de sensibilizar e formar o público do Museu e os demais moradores de Porteiras para a necessidade de preservação dos bens culturais, formação da consciência histórica e participação política". (BEZERRA, 2017, p. 18-19).
      Os membros do Grupo REMOP ficam felizes com a reflexão produzida pela pesquisadora e aproveitam o ensejo para convidar outros estudantes, professores e pesquisadores a fazem uso do acervo do Casa da Memória e a estudarem a história de Porteiras e seus bens culturais. 

Referência do texto:
BEZERRA, Francisca Dárlin Custódio. Casa da Memória de Porteiras-CE: Memória e Identidade nas narrativas do REMOP (2004-2016). Crato: URCA, 2017 ( Trabalho de Conclusão do Curso de Especialização em História). 


terça-feira, 23 de maio de 2017

Casa da Memória nas Comemorações da 15ª Semana de Museus - Memorial Pe. Cícero


    Dentro das comemorações da 15ª Semana de Museus, a Casa da Memória participou da programação da Fundação Memorial Pe. Cícero, em Juazeiro do Norte/CE. Durante os dias 17, 18 e 19 de maio, gestores e representantes dos museus e centros culturais situados na região do Cariri discutiram os desafios e as perspectivas relacionadas a manutenção dos espaços museais, bem como a necessidade de construção de uma rede que os fortaleçam.
    Na ocasião, a experiência da Casa da Memória foi apresentada. Na fala do seu representante, Joaquim, a trajetória do REMOP, a fundação e manutenção da Casa foram enfatizadas, lançando luz para os 10 de atuação do museu, fundando em 21 de setembro de 2007.



        

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Oficina A Festa da Coroação como Patrimônio Cultural

    Na semana de comemorações do Dia Internacional dos Museus (18 de maio), o projeto MULTICULTURARTE realizou mais uma oficina na Casa da Memória. 12 estudantes participaram da oficina "A Festa da Coroação como Patrimônio Cultural". Ela ocorreu no último sábado, dia 20. Na ocasião, as crianças e os adolescentes discutiram sobre as referências culturais da maior festa religiosa de Porteiras, bem como confeccionaram coroas de anjos, um dos símbolos da tradição religiosa. 







    



































      O projeto MULTICULTURARTE realiza oficinas de educação patrimonial com crianças e adolescentes, bem como momentos de socialização e aprendizagem a partir da cultura da infância (o Brincando na Casa). Neste mês de junho, novas atividades acontecerão! 
PARTICIPE! 
      

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Brincando na Casa !!!

         Na manhã do dia 13 de maio, ocorreu o I Brincando na Casa. O evento contou com cerca de 150 crianças. Elas (re)viveram brincadeiras coletivas (de rua), como é o caso da caça ao tesouro; escutaram as histórias e dançaram com o gingado da boneca Aninha; fizeram pintura no rosto e ganharam brindes! 
      O Brincando na Casa pretende estimular a prática das brincadeiras como formas de sociabilidade das crianças, bem como valorizar a cultura da infância. Essa é uma ação do Projeto Multiculturarte: Museu, Cultura(s) e Arte(s) no Ensino de História, iniciativa desenvolvida na Casa da Memória e vinculada a Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Regional do Cariri. 












terça-feira, 16 de maio de 2017

DIA INTERNACIONAL DE COMBATE À HOMOFOBIA E TRANSFOBIA!

A ASSOCIAÇÃO REMOP E A CASA DA MEMÓRIA APOIAM ESSA CAUSA! 




Nesse dia 17 de maio o mundo celebra o Dia Internacional Contra a Homofobia. 

A data é alusiva ao dia em que Organização Mundial da Saúde (OMS) retirou a homossexualidade da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde (CID), em 1992.

ESSE É UM DIA DE COMEMORAÇÃO E DE LUTA POR DIREITOS!